Black Eyed Peas – STREET LIVIN’ ; O Velho Black Eyed Peas Nunca Soou Tão Novo

https://www.pastilhadrops.com.br/2018/01/09/black-eyed-peas-street-livin-o-velho-black-eyed-peas-nunca-soou-tao-novo/

O Black Eyed Peas da década passada se preocupava com duas coisas; colocar todo mundo para dançar e se divertir. Isso não impedia a banda de tocar em assuntos necessários e pertinentes à época, como em Where Is The Love?, a música que a colocou no cenário pop mundial. A banda do início dos anos 2010 tinha perdido sua ginga e malicia típicas e ido para um caminho repetitivo e entediante, soando forçado na onda do EDM.

EDM esse que foi um manjar dos deuses na era do disco The End e que amargou no repetitivo trabalho seguinte The Beginning.

É interessante vislumbrar uma banda dos anos 90 que fazia música com a realidade que vivia, voltar quase 30 anos depois em plena era Kendrick Lamar que poetiza tão bem um soco na cara do racismo e conseguir fazer isso tão bem quanto, nos levar a aqueles anos de protestos pela igualdade racial que balançaram a Califórnia no início de 1992.

O lançamento STREET LIVIN’ nos leva a essa atmosfera das ruas dos anos 90 onde o hip hop fundamentava as bases que o faria o maior estilo musical dos dias de hoje.

Sem o charme e a voz poderosa de Fergie, esse Black Eyed Peas de volta as origens, é deliciosamente forte para se sustentar sem firulas, fazendo um som honesto e extremamente eficaz.

STREET LIVIN’ é o melhor lançamento desse início de ano, e um ótimo preview do que a banda prepara para 2018. Sem alardes e grandes anúncios o BEP mostrou que está mais vivo do que nunca e acima de tudo sabe impor respeito.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: